CEAAK realiza atividade em comemorao pelo dia do Rio Paranhana

O rio Paranhana é um importante afluente do rio dos Sinos. Seu nome vem do Guarani: rio que corre ligeiro. Atualmente ele é a principal fonte de captação de água da CORSAN para nossa região, especialmente para os municípios de Igrejinha, Três Coroas e Parobé. O lixo e o esgoto doméstico são as principais fontes poluidoras do nosso rio, por isso é importante a conscientização de toda a população, pois a saúde do rio também é nossa saúde.

Dia 04 de abril é o dia do Rio Paranhana, mas como o nosso rio deve ser valorizado e lembrado todos os dias, o CEAAK (Centro de Educação Ambiental Augusto Kampff), através da Secretaria de Educação, realizou no dia 11 de abril, com diversos parceiros, um “Auê do Rio” na Praça Dona Luisa e rua coberta.

As escolas, além de realizarem a visita, também trouxeram trabalhos produzidos pelos alunos refletindo a importância do nosso rio, bem como lindas apresentações musicais, teatrais, leituras e oficina de dobraduras.

Contaram com a participação da Fundação Cultural, Sindicato das Indústrias de Calçados de Igrejinha, PATRAM, Secretaria de Saúde, Departamento de Meio Ambiente, Uniasselvi e Universidade Feevale. O COMMA (Conselho Municipal de Meio Ambiente) através do Fundo de meio ambiente patrocinou a peça teatral “Conta Gota- Histórias D’água” da KHAOS Cênica, que trouxe uma bonita mensagem sobre o ciclo da água, os diversos seres vivos que encontramos no rio, a importância de cuidarmos dele e as relações com a nossa saúde!

Durante todo o dia a comunidade pode visitar os espaços montados na praça, ler as mensagens trazidas pelo CEAAK em cartazes, tirar fotos dos painéis, apreciar as instalações de algumas escolas, os trabalhos dos alunos, ouvir a música do rio Paranhana, assistir as apresentações das escolas. Foi possível conhecer o trabalho ambiental desenvolvido pelo Sindicato das Indústrias de Calçados e os cursos oferecidos pela Uniasselvi. Pôde-se conhecer as campanhas realizadas pelo Departamento de meio ambiente e a Secretaria de Saúde, além de conhecer o trabalho da PATRAM e os animais taxidermizados que foram encontrados mortos pelo descaso e falta de consciência de algumas pessoas. Também foi oportunizada a  interação com atividades trazidas pelos alunos da FEEVALE, um jogo que explora a questão dos resíduos e num microscópio visualizar a água do arroio Koetz.

O CEAAK lembra que cuidar de nosso rio e arroios é cuidar de nós mesmos e que cada gota d’água importa! Agradece imensamente à todos que de uma forma ou de outra colaboraram ou participaram do “Auê do Rio” pois essa atividade é a junção de esforços coletivos e só foi possível com a participação e dedicação de todos os envolvidos, especialmente as escolas através dos alunos e professores que são sempre os protagonistas nas nossas atividades.